sábado, 1 de novembro de 2008

Mania de estrelismo

Descobri que eu sou um ser estranho.

Tá, tudo bem, eu já desconfiava. Mas é que agora eu falo com conhecimento de caso.

Meu blog era invisível. Ele estava lá, eu escrevia baboseira todos os dias... mas ninguém sabia que ele existia.

De repente, eu entrei numa 'nóia' de fazer propaganda dele. Entrei no orkut, (naqueles tópicos toscos de 'comente o blog acima', onde todo mundo entra e faz o mesmo tipo de comentário: 'gostei do seu blog'). O cara nem leu, nem sabe do que se trata, nem faz idéia do que é o seu blog, mas diz que gostou.

E choveram visitas. Choveram mesmo. Nem todos comentavam, mas entrava umas 30 pessoas por dia. Eu fiquei me sentindo o máximo. Já podia sair daquela outra comunidade tosca, chamada 'blogueiros fracassados'.

Mas aí...

Bom, como vocês sabem, eu sou estranha. Não sou diferente, quem me conhecesse sabe que eu sou e-s-t-r-a-n-h-a MESMO.

Eu comecei a me sentir oprimida. Não aquele tipo de opressão em que alguém aponta uma arma pra sua cabeça... nada tão dramático... (afinal, eu sou estranha, não psicótica...) ...mas mesmo assim... uma opressão.

Tipo assim: Antes eu tinha liberdade pra escrever qualquer besteira que eu quisesse porque eu sabia que ninguém lia. Eu não tinha, tipo, obrigação de escrever alguma coisa legal.

Eu ainda não escrevo, na verdade, nada legal, mas, enfim, eu costuma escrever besteiras bem piores que essas que eu tenho postado aqui ultimamente.

Aí, quando um monte de gente começou a entrar, e alguns até me 'favoritaram', eu fiquei envergonhada. Tipo, eu não me sentia a vontade mais pra contar que a Mel chamava borboleta de boborleta.

E quando eu criei essa coisa bizarra aqui que eu chamo de blog, era essa a intenção... contar essas coisinhas toscas, que as mães das crianças morrem de rir, mas que ninguém mais acha graça.

Bom, aí quando eu comecei a sentir que tinha a obrigação de sempre escrever alguma coisa legal, eu fugi daqui. Saí correndo três dias e três noites desesperada quando tentei escrever alguma coisa legal e nada parecia legal o suficiente.

Tá bom, tá bom... a mudança ajudou no meu sumiço. Mas se vocês querem saber a verdade, eu até comecei um outro blog pra poder escrever anonimamente. Mas acabei desistindo. Eu me apego fácil demais aos blogs. Pelo menos aos meus.

Tipo, quando eu mudei do msn spaces pra cá (putz... ainda não agradeci o Nuno pela dica), eu copiei tudo de lá e colei aqui, porque eu não consegui simplesmente abandonar aquele blog.

Mas aí... entao, depois de alguns meses sumida...

Eu retornei aqui e descobri que esse blog estava entregue às moscas. Nenhum visitante, nenhuma visita, nenhuma alma viva. Na verdade, nem mesmo uma mosca.

E aí... as besteiras começaram a fluir. Como esse post besta, que você tá lendo agora.

Mas eu gosto das minhas besteiras. Esse blog é meu diário, sempre vai ser. Não é para os outros rirem que eu escrevo, é para mim mesmo. É para mim ler o post em que a Mel pensou que mamou bicho (de 2 anos atrás) e rir de novo. E ler o mesmo post daqui a 5 anos e rir de novo.

Esse é o meu remédio.

Nada de propagandas em orkut, nada de comentários inúteis... Só besteiras. As MINHAS besteiras.

>> Mas se você caiu de pára-quedas aqui, seja bem-vindo<<

HUAHUAHUAHUA. É, eu sei. Eu sou estranha. Mas quem não é??

:P

3 comentários:

chris mazzola disse...

Olá minha cara!
Que bacana ler o que vc escreveu..
Comigo aconteceu algo parecido. Nunca tinha anunciado em lugar nenhum. Nunca tinha contado a alguem. Seja msn, orkut. necas!
E do nada alguem que leu indicou a outro q indicou outro.. e um me linkou .,.. e do nada comecei a ter 600 acessos ao dia..
me sentia cobrado.. com necessidade de ter q atualizar (nem q nao fosse necessariamente obrigado a postar algo engracado, eu tinha era q POSTAR!)
Só que minha vida não se resume a isso.. Comecei a ficar noiado! pq chegava email, recados. Ate q abandonei por qse 3 MESES sem nenhum post.
Ate hj mantenho sem postar uma media de 250/350 acessos mas aprendi a viver sem essa cobrança.. E por isso digo o mesmo a vc.. Desencane disso, ja q vc nao vive disso e vive sua vida.
Eu queria escrever algumas coisas.. tive que "abrir" uma conta nova.. pq tava dificil!
e agora depois de 3 meses, voltei a postar por um dia.. vamos ver no que da...
boa sorte ai minha cara!

Cristóvão disse...

ahahaha..sei como é isso...eu prefiro o anonimato... :) nem curiot fazer as propagandas :)

GG disse...

Sei como é. Eu criei um blog pro meu filho (ih, ele tá na sua lista de links! Que legal!) só pra poder manter a minha família - que mora longe - informada sobre o meu filhote. Mas as pessoas começaram a aparecer, e hoje ele tem uma visitação bizarramente alta para um blog com esse tipo de conteúdo.

E quando eu demoro a postar, recebo um monte de "broncas"! :)

Faz parte!
beijão!
GG

By Gisa