segunda-feira, 9 de abril de 2012

A Eco/Ultrassonografia

Voces lembram que eu tinha que fazer uma Eco-sonografia (alguem diz como se escreve isso em portugues?) né? Pois è... e nao è que eu tinha esquecido completamente da bagaça? 

Sexta-feira meu sogro me ligou:
- Rony que horas voce vem?
- Oi??
- Ai, Rony... nao vai dizer que esqueceu?!
- (Silencio)

Tanta coisa pra fazer, preparativos para a proxima festa todos atrasados, roupas de primavera pra tirar das caixas embaixo da cama, lavar, passar... roupas de inverno para lavar, passar e colocar nas caixas embaixo da cama... enfim... correria total e eu tendo que perder um dia inteiro em um hospital no Centro Històrico de  Venezia... (suspiro)

Aì, olha sò, gente: Na folha que me deram quando eu agendei a Eco/Ultra tava escrito que eu tinha que beber um litro e meio de agua duas horas antes da Eco/Ultra, e ir fazer a mesma com a bexiga cheia.

Entao a abestada aqui bebe um litro e meio de agua antes de sair de casa, dirige atè a casa dos sogros, pega o Tram pra chegar no limite da Terra Ferma, pega um onibus pra chegar na Piazzale Roma, faz 10 minutos a pè para chegar no ponto onde se  pega o Tragheto (barco) para o Hospital, passa 30 minutos em pè no Tragheto e... quando, enfim, chega ao Hospital o que acontece? O de sempre: os enfermeiros estao atrasados ao menos 40 minutos... e eu... bem... eu, definitivamente, tenho que ir ao banheiro. Nao dà mais pra segurar.

Aì minha sogra fala: "Voce nao pode! Na ultima vez que fui fazer a Eco/Ultra eu nao aguentei esperar e esvaziei a bexiga e eles me mandaram de volta pra casa sem fazer o exame!"

Entao eu me sento, - com as pernas devidamente cruzadas -, e fico ali me torturando, imaginando como conseguir abrir as pernas na hora do exame!

Aì o impensàvel acontece: Chega a minha vez e quando estou chegando ao consultorio a enfermeira pergunta:
- Voce tà com a bexiga vazia? (Fala sèrio, minha senhora... caminhando assim eu PAREçO estar com a bexiga vazia??)
- Nao.
- Entao vai ao banheiro, porque para fazer o exame tem que estar com a bexiga vazia!
- Oi?

Fala sèèèèèrio!!! Dà ou nao dà vontade de descer a porrada nesses italianos? PRA QUE escrever no agendamento que precisa ir com a bexiga cheia quando, na verdade, deve ser justamento ao contrario?? Sadismo, sò pode! Esses caras sao um bando de sàdicos... Pra que fazer uma crueldade dessa com as pessoas?? Pra que, meu Deus? PRA QUE??

Bom, mas enfim, resolvido o problema, fiz a Eco/Ultra e fui pra casa... Feliz, porque deu tudo normal. Nao totalmente feliz, porque a Eco/Ultra durou cerca de 40 segundos... e eu duvido que em 40 segundos alguem consiga ver se tem algo de errado.

As dores continuam e eu ainda nao sei porque. Mas vou pegar os exames de sangue semana que vem, aì talvez eu tenha alguma resposta.
................

PS: Sempre reclamei do quanto Venezia era "scomoda". Quando enfim me mudo pra "Terra Ferma", me mandam justamente de volta pra là pra fazer um exame. Sfortunata, io??

4 comentários:

Fernanda Falleiro disse...

Nossa ri muito agora!!!!!!
Que odisseia pra fazer um exame!!!
Torço para que tudo de certo no exame de sangue!
Bjos

LunaG disse...

Rony,juro que daqui dessas bandas a idéia de fazer uma eco no centro de Veneza parece super romântica e chic!Tá bom,eu sei,ninguém me merece com minha cara de latinadeslumbrada.com

Luana disse...

Eu sempre achei que esse tipo de exame se fazia com a bexiga cheia... pra dar uma ideia de onde esta cada órgão... Mas quem sou eu pra duvidar de medico, ne? hahaha

Neanderthal disse...

Oi Gisa.
No seu lugar eu teria soltado um palavrãozinho só para mostrar minha indignação com isso.
Quando eu fico muito tempo apertada para ir ao banheiro, meus olhos começam a lacrimejar e eu fico irracional. Não consigo conversar, pensar em alguma coisa ou ao menos me concentrar. No seu lugar, seria um sofrimento terrível pra mim! Já aconteceu várias vezes de eu não conseguir me segurar e me mijar toda. Tanto, que antes de ir a qualquer lugar, eu procuro um banheiro mesmo que não esteja com vontade, porque morro de medo de passar aperto na rua.
Enfim, espero que tudo isso se resolva. =)
Mil beijos

By Gisa